27 de setembro 2012 as 3:31 pm

Lixão: Mais um descaso de políticas públicas em Alenquer

Lixão a céu aberto em Alenquer está contaminando lençol freático do lago do Curumu

Lixão a céu aberto em Alenquer

Os milhares de lixões a céu aberto por esse País afora, lamentavelmente é mais um retrato da incompetência do Governo Federal, do Ministério do Meio Ambiente e das Secretarias Estaduais e Municipais (SEMA e SEMMA), subordinadas à instituição acima mencionada. Essa dura realidade, vem sendo objeto de muita preocupação para os ambientalistas e para a comunidade mundial.

Para se ter dimensão dessa problemática no município de Alenquer, o lixão que recebe os resíduos domésticos e de outros setores, tem aproximadamente 2 km da sede do Município, e 3 km para a margem de preservação ambiental denominado Lago do Curumu. Dessa forma, é impossível evitar a degradação, impactos irreparáveis, contaminação dos lagos e mananciais, como também de outros danos a mãe natureza.

Portanto, além dos inúmeros problemas relacionados à poluição ambiental, presenciam-se, também, há duas décadas, no referido lugar a presença de: Seres humanos (crianças, adolescente e idosos), urubus, porcos, cachorros etc. Vale ressaltar que, como fonte de rendas as pessoas que ali se encontram, vivem abaixo da linha da pobreza e são os famigerados catadores de lixos.

Portanto, infelizmente, essa inércia e/ou marasmo, com essa deplorável situação, vem se arrastando por muitos anos, e os abençoados políticos não se dignificam em realizar políticas plausíveis para solucionar esse crime sem precedente a biodiversidade.

Em síntese, o que mais entristece as pessoas que possuem consciência ambiental é que, existem recursos federais para construção de aterro sanitário, projetos sustentáveis de geração de renda e inúmeros sistemas de mecanismo de reciclagem. Enfim, alternativa para solução dessa problemática existe, entretanto, os deputados estaduais e federais, que só fazem levar os votos de Alenquer, continuam inertes e sem vontade política para resolver essa vergonha, patética e crônica situação.

ELEIÇÕES 2012- Há poucos dias para as eleições municipais, muitos candidatos ainda têm dúvidas do que pode e do que não pode. É autorizado uso de sites de Partidos e Candidatos. É permitida, também, a veiculação de propaganda eleitoral por meio de: Blogs, Orkut, Facebook e twitter. As propagandas veiculadas por e-mail são permitidas desde que seus destinatários estejam devidamente cadastrados para tal serviço. No caso de Jornais impressos ou na internet, tem que ser respeitada integralmente o formato de seu conteúdo. No caso de manifestação a favoritismo, pode ser divulgada desde que não seja matéria paga. Detalhe; as ferramentas acima descritas, só poderão ser divulgadas com a autorização da Justiça Eleitoral.

FUTRIMANGANDO– É triste publicar que o “jeitinho brasileiro” e a politicagem ainda vão demorar muito tempo para serem extirpadas do processo democrático. Pasmem! Dá para acreditar que no cenário da política brasileira, ainda houve-se muito falar em: Curral eleitoral, voto de cabresto, voto trampolim, reduto eleitoral, voto marcado, voto cruzado, voto de gratidão e político boi de piranha? Esses vergonhosos pejorativos que cerceiam e castram o exercício da dignidade humana e da democracia devem ser imediatamente combatidos pelo Ministério Público.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>